Agricert

História

a AGRICERT é um Organismo de Certificação que atua com base no referencial NP EN ISO/IEC 17065:2014

A AGRICERT foi constituída em 2000 com o objetivo de se propor como Organismo Privado de Controlo e Certificação de produtos agrícolas, pecuários, florestais e alimentares, incluindo os produtos de agricultura biológica.

Atualmente é um Organismo de Certificação que atua com base no referencial NP EN ISO/IEC 17065:2014, estando simultaneamente acreditada como entidade formadora pela Direção Geral do Emprego e das Relações do Trabalho (DGERT) desde Julho de 2008.

 

Descrição das Atividades da Empresa

 

Modo de Produção Biológico e Produção Integrada

A Agricert está acreditada pelo Instituto Português de Acreditação (IPAC) como Organismo de Certificação para o Modo de Produção Biológico e Modo de Produção Integrado (Processo nº C0022) e simultaneamente reconhecida pelo Ministério da Agricultura Florestas e Desenvolvimento Rural como Organismo de Certificação.

Em 2016, a AGRICERT inicia a atividade de Controlo e Certificação de acordo com um esquema equivalente ao Modo de Produção Biológico desenvolvido pela AGRICERT, direcionado para Países Terceiros.

 

Produtos Tradicionais

A Agricert está acreditada pelo Instituto Português de Acreditação (IPAC) como Organismo de Certificação para produtos tradicionais (Denominação de origem Protegida, Indicação Geográfica Protegida) (Processo nº C0022).

Simultaneamente está reconhecida pelo Ministério da Agricultura do Desenvolvimento Rural e das Pescas (MADRP) como Organismo de Controlo e Certificação.

 

Sistema de Certificação Ambiental do Greening

Trata-se de um regime, de adesão voluntária por parte dos agricultores, permitindo que o cumprimento da prática greening de diversificação de culturas, por parte das explorações especializadas nos setores do milho e tomate, seja concretizada através de uma prática equivalente- Cobertura do solo durante o período de outono-inverno nas terras aráveis da exploração. Além da prática equivalente, este regime de certificação ambiental nacional abrange também as práticas greening standard de manutenção dos prados permanentes e superfícies de interesse ecológico.

A Agricert é reconhecida pela DGADR desde 04 de Abril de 2016 pela sua competência técnica, procedimentos escritos e recursos para efetuar atividades de controlo e certificação das práticas greening. É também, acreditada pelo Instituto Português de Acreditação (IPAC), em conformidade com a norma NP EN ISO/IEC 17065.

 

Entidade Reconhecedora do Regante

O Sistema de Reconhecimento de Regantes (Portaria n.º 136/2015 de 19 de maio), assenta na atribuição do título de regante aos agricultores que adotem comportamentos que permitam, por um lado, melhorar a adequação da dose de rega e da sua oportunidade e, por outro, otimizar o desempenho técnico do seu sistema de rega.

Tal verificação é feita por uma entidade reconhecedora de regantes, ela própria autenticada pela Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural, na sua qualidade de Autoridade Nacional do Regadio. A Agricert é entidade reconhecedora do regante autenticada pela DGADR desde Maio de 2015.

 

Certificação GLOBALG. A. P.

A conformidade com o referencial GlobalG.A.P. assegura que os produtos alimentares são seguros e cultivados de maneira sustentável, cujos resultados são a minimização dos impactos ambientais negativos das operações agrícolas, a redução do uso de químicos e uma abordagem responsável à saúde e segurança do colaborador. Em 2016 a AGRICERT inicia as atividades de certificação segundo os regulamentos GLOBALG. A. P. para o âmbito de frutas e vegetais.

 

Higiene e Segurança Alimentar

A AGRICERT presta ainda serviços de consultoria e auditoria na área da segurança alimentar tendo como base o Codex Alimentarius e cumprindo sempre com os pressupostos da norma NP EN ISO/IEC 17065:2012 que assentam na salvaguarda da imparcialidade.

 

Entidade Formadora

A Agricert desenvolve atividade formativa desde 2007 e está acreditada, desde 2008, como entidade formadora pela Direção Geral do Emprego e das Relações de Trabalho - processo de acreditação como entidade formadora com o nº 4555. Em 18/08/2013 obteve a certificação pela DGERT (processo de certificação nº C1209).